quinta-feira, 10 de julho de 2014

A primeira vez da Margarida 103#

«O amor da prazer, mas também dá muito trabalho.»
A verdade é essa!

17 comentários:

  1. Se não dess trabalho também não dava prazer não é verdade?

    ResponderEliminar
  2. tão verdade !

    R : Como referi no post anterior no sábado/domingo fui a uma beach party, a convite do A. e do R.. estive dois dias a mandar mensagens para os dois e a ligar e nada. quando a meia hora de ir para lá ao A. me manda mensagem a dizer que já está lá com os amigos. fiquei fudida, e tive de ir sozinha para lá. mandei uma mensagem a uns amigos que também iam (timon e pumba chamemos-lhes assim) e encontrei me com eles e fui com eles. se não fossem eles tinha ficado sozinha naquela festa. encontrei depois o grupo dos rapazes e o P. também estava lá e perguntei como é que ele ia para casa e perguntei se podia ir com ele, ele disse que sim que depois me mandava mensagem. eles desapareceram da minha beira outra vez, depois começou a chover torrencialmente e timon e o pumba que estavam comigo queriam ir embora e eu não queria porque não queria ir para casa sozinha áquela hora (4 da manhã), então mandei mensagem ao P. para ele vir ter comigo para eu ir para a beira dele e do grupo porque o timon e o pumba queriam ir embora e era para eu não ficar sozinha, ele disse que não vinha porque estava muita gente. disse ao timon e ao pumba para irem embora e fui procurar os rapazes no meio daquela multidão toda. evidente que eles não foram embora e me deixaram sozinha então ajudaram me a procurará-los. lá os encontrei e eles foram embora. obriguei o timon e o pumba a ficar lá comigo porque eles não tiveram coragem de se ir embora por causa daqueles otários. cheguei á beira deles e fiquei parada enquanto eles dançavam e saltavam. um dos amigos deles virou se para mim quando eu cheguei lá á beira deles "tadinha", logo imagino a conversa que eles estavam a ter. quando eu cheguei o timon começou a dizer que eles tinha sido uma merda para mim e eu nem continuei a ouvir a conversa. mantive me parada e calada enquanto eles dançavam. e o A. ainda se virou para mim "estas chateada", eu virei a cara e fui para outro lado. isso é pergunta que se faça ? deixaram me sozinha depois de me terem convidado, áquela hora ainda por cima, eu nunca lhes faria isso e só não fiquei sozinha porque depois comecei a ligar para os meus amigos a ver quem ia e eles foram impecáveis comigo. vim me embora com o P., e nem uma palavra lhes dirigi. o P. ainda é o que desculpo no meio disto tudo, porque indiretamente ele pediu me desculpa, e não tinha combinado nada com ele até áquele dia e estava realmente imensa gente e ele não sabia o porquê de eu estar a pedir para ele vir ter comigo, ele não sabia que eu ia ficar sozinha, no entanto o A. e o R. não os perdou, não os perdou por me terem deixado sozinha, não os perdou mesmo. e não estou assim só por causa disto, estou por causa de tudo.

    ResponderEliminar
  3. Principalmente o A., eu sei que achas que estou a exagerar por aquilo que nós já passamos juntos, se reparares no meu blog estou sempre a falar deles e principalmente do A. porque somos melhores amigos, e foi isso que mais me magoou ele insistiu tanto para eu ir, paguei a merda de 15 euros, prometeu-me que não me ia deixar sozinha, porque eu estava cheia de medo, não sabia como é que se ia para lá e tinha medo de estar sozinha numa festa áquela hora principalmente vir para casa sozinha, ele disse para não me preocupar e lá confiei nele. No dia simplesmente nem ás mensagens me responde. Já á umas semanas para cá que temos discutido imenso eu tenho me passado imensas vezes com ele mas depois ignoro, porque sou uma pessoa alma que perdoa facilmente, aliás na festa nem sequer armei um escândalo quando ele chegou a minha beira e se fosse outra secalhar armava. Eu sempre o apoiei e e ele agora tem se tornado socialão e cagado em mim, já estava no meu limite, e isto foi o limite. Eu sei que achas que é um exagero, mas se tu visses como era a nossa amizade e como está agora acredita que ias ficar tão chateada como eu, o que me revolta mais é que ele nem sequer pediu desculpa. Porque agora namora e tal não quer saber de mim, mas daqui a uns tempos quando discutir com a namoradinha vai ser a mim que ele vai ligar logo e ai ele vai ver o que perdeu, e que não venha com desculpas porque já passaram 3 dias e ainda nem uma mensagem tenho dele. Á entrada para o metro estava imensa gente, e nós eramos um grupo de 30 para ai, o P. agarrou me e empurrou me lá para dentro, por sorte entrei e porque o P. me ajudou e lá dentro agarrou me porque eu estava aflita no meio daquela gente toda, mas não entrou no metro sem se certificar que eu também entrava, ao contrário do A. que entrou e nem sequer quis saber de mim, nem uma mensagem me mandou a perguntar se eu tinha entrado, se não entrasse bem ficava sozinha. Por isso é que digo que o P. ainda é o que desculpo mais nisto tudo, o R. mais ou menos porque eu nunca combinei nada a séria com ele e ele não estava com o telemóvel, agora o A…. Talvez se fosse outra hora e se ele não me tivesse convidado eu não estava tão furiosa, mas aquela hora sabe se lá o que me tinha acontecido se não fosse o timon e o pumba, uma jovem rapariga numa festa no meio de jovens bêbados e de madrugada na rua sozinha... depois de tudo o que eu fiz por ele, eu nunca lhe faria o que ele me fez. o timon disse me "tens de arranjar amigos novos, porque estes só te deixam na merda" e ele tem razão, por isso é o que vou fazer. acabou, já não tolero mais nada.

    ResponderEliminar
  4. r: desculpa querida tive de dividir o comentário em dois. quanto a ele neste momento confesso que me tenho afastado um pouco dele porque tenho medo dele. ele pode ter mudado, mas acho que já anda metido nas drogas outra vez, e esse não é o maior problema para mim ,é aquilo que ele anda a fazer com os amigos e eu não gosto nada deles, prefiro afastar-me do que andar aqui a fazer de conta que estou feliz por falar com ele. por mais que não queira o passado dele vai sempre interferir entre nós, ele fez coisas muito más e eu tenho medo de que volte a acontecer...

    ResponderEliminar
  5. sem dúvida alguma.
    r: eu vou ficar bem :)

    ResponderEliminar
  6. concordo com a Rosemary D,
    r. também tenho uma ""piscina"" em casa , mas as dimensões são lamentáveis ahahah

    ResponderEliminar
  7. R: Ainda bem que não, porque és a única aqui da zona que eu conheço ahaha

    ResponderEliminar